Paulo Moura, Marcelo Camelo e Elza Soares

Chegou aqui em casa um pacote Natura Musical com esse presente que é o livro Paulo Moura, Um Solo Brasileiro. É um retrato afetivo musical muitíssimo bem editado pela Casa da Palavra com entrevistas feitas por Halina Grynberg, psicanalista, escritora, produtora e mulher desse grande músico brasileiro por 26 anos. As entrevistas na verdade são conversas. Na apresentação do livro, um texto poético e amoroso, ela descreve um café da manhã ao lado de seu marido, esse mestre dos sopros, esse ícone da nossa música, e pra ela um homem “que não precisa dormir pra criar”. O livro é lindo. Ler é como ouvir Paulo Moura, é descobrir um universo riquíssimo por trás do som da clarineta.

Larguei o livro pra receber em casa o cantor e compositor Marcelo Camelo. Há meses esperamos por essa chance, ele e eu. O disco Toque Dela já rodou o país, já toquei quase todo no Vozes do Brasil e ainda nao tinhamos conseguido esse encontro. Ele veio com o violão mas como as novas músicas são mais pra guitarra ouvimos um pedacinho de um samba pop de Mallu Magalhães e uma versão de Los Hermanos absolutamente diferente. Marcelo fala dos livros que lê e se diz complacente com as diferenças – ouve de tudo! E assume. Já curtiu Bon Jovi quando garoto, gosta dos fados que ouve em Portugal, entrou numa onda Strokes agora no Rio e fala comigo sobre os compositores cabeça e os xamãs. Um papo delicioso, como era de se esperar. Falamos de Paulo Moura, sobre a história já clássica do ouvido interno que Villa Lobos disse a Jobim que tinha pra fazer música cheio de crianças em volta. Paulo Moura e Camelo tem em comum a impressão que o lugar onde estão, onde criam, onde estudam, imprime em suas composições. Não é lindo? Agora o Vozes em Casa com Marcelo Camelo entra na fila e breve vai pro ar.

Fiz essa entrevista ainda sob os efeitos da apresentação de Elza Soares no Conexão Vivo em Salvador. Foi inacreditável! Elza chegou na praia da Pituba numa cadeira de rodas, entrou no palco apoiada por dois homens e cantou sentada. Fez uma operação na coluna “mas não na voz”- disse ela. Essa mulher levantou a platéia de um jeito! Só mesmo com muita verdade, muita vontade de viver, muito amor à música. Que grande artista. E fez graça com o trompetista da banda Senta a Pua cantando com ele sentadinho ao lado dela “O Neguinho e a Senhorita”. Um charme. Injetou alegria e emoção direto nas veias de todo mundo que viu. Não foram poucos os que chegaram às lágrimas. Inesquecível. Falei com Elza para o Vozes do Brasil e logo teremos aqui e no ar a cobertura completa dessa etapa baiana do Conexão Vivo.
E assim começou a minha semana. Que bom!

3 comentários sobre “Paulo Moura, Marcelo Camelo e Elza Soares

  1. patricia , como fazemos , pra te enviar o material de uma cantora , um dvd que acabou de ficar pronto . Vc poderia deixar um endereço , pra te mandar esse dvd via sedex ???? é o DVD ” Um rio em mim ” , da cantara de Belém do Pará , Sabah Moraes . Que regravou coisas lindas como ” agua ” do djavan . ” Cançao agalopada ” do Ze ramalho , e coisas autorais . ELa quer muito te mandar o dvd ; MAs nao sabemos como fazer , pra chegar em suas maos . Se for possivel , manda um endereço , pro meu emal . eduardomelo2004@hotmail.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s