Ouvido Absoluto: O Brega é Pop. E eu adoro

Saiu minha coluna no Estadão do último sábado. Muito feliz e honrada faço parte do time do Ouvido Absoluto junto com Roberto Muggiati(jazz), Gilberto Mendes(erudito), Nei Lopes(samba) e Claudia Assef(eletrônica). Escrevi esse último texto depois de voltar de Belém do Pará e me lembrando de uma linda viagem que fiz pra São Luiz do Maranhão … Mais Ouvido Absoluto: O Brega é Pop. E eu adoro

Ouvido Absoluto: Há poesia na letra da canção

A poeta Alice Ruiz é mestre em hai kai e creio que justamente por sua capacidade de síntese está cansada do debate poesia versus letra de música. Nos encontramos numa festa essa semana e estávamos as duas ainda sob os efeitos do espetáculo Totatiando que Zélia Duncan apresentou em São Paulo em temporada no Sesc … Mais Ouvido Absoluto: Há poesia na letra da canção

Cantores do Brasil

Nesse domingo tranquilo me dei o prazer de ouvir velhas canções no Ipod mais antigo da casa. Me deparei com João Gilberto e o excelente Amoroso, disco que me destruiu de tristeza imcompreensivel aos 18 anos. Hoje, às vésperas de fazer 46, entendo tudo. Impossível não chorar ouvindo “Retrato em Branco e Preto“, de Chico … Mais Cantores do Brasil

França e Brasil, o samba com sotaque desde 1932

Tem francesa no morro foi o primeiro samba de sucesso do grande Assis Valente. Foi gravado em 1932 por Araci Cortes. Era uma sátira ao costume burguês da época de usar expressões francesas no meio da conversa. Coisas de colônia que um mulato brasileirissimo não suportava e criticava nesse bom humor. Assis Valente foi um … Mais França e Brasil, o samba com sotaque desde 1932

Onde está Zélia? Momento “duncanmaníaco” no Ibirapuera

Em turnê de lançamento do novo cd “Pelo Sabor do Gesto”, Zélia Duncan me recebeu rapidamente pra um papo entre dois shows no mesmo dia. O primeiro foi num domingo de sol no Ibirapuera e foi nos camarins do lindo auditório que nos falamos. Do lado de fora “duncanmaniácos” aguardavam ansiosos por sua saída e … Mais Onde está Zélia? Momento “duncanmaníaco” no Ibirapuera

Um show antológico, elegante e essencial : Leonard Cohen

Foi uma aula de respeito, dignidade e de excelência musical. Por isso, conforme prometi, volto a falar de Leonard Cohen pra contar como foi esse show incrivel que assisti em Bilbao na Espanha. A primeira cançao foi “Dance Me To The End Of Love” num arranjo elegante, denso, com os graves ressonando docemente dentro do … Mais Um show antológico, elegante e essencial : Leonard Cohen