Fernando Temporão no Vozes em Casa e Karina Buhr no Vozes Composição – Ouça Aqui!

FernandoTemporao

Fernando Temporão apresenta o CD De Dentro da Gaveta da Alma da Gente no Vozes em Casa e Karina Buhr participa do quadro Vozes Especial Composição.

 

 

 

Vozes do Brasil – bloco I (Gal Costa, Ceumar, 5 a Seco, Tulipa Ruiz, Especial Composição com Karina Buhr)

Vozes do Brasil – bloco II e Fernando Temporão no Vozes em Casa (Grupo Tono, Rael e Mariana Aydar)

Vozes ao Vivo 2001 com Rita Ribeiro – Retrospectiva 15 anos Vozes do Brasil

RitaRibeiro

Começando a Retrospectiva de 15 anos do Vozes do Brasil com uma gravação de 2001 do projeto Vozes ao Vivo, com Rita Ribeiro como convidada e com a participação da platéia fazendo perguntas e com trilha ao vivo do trio Música Ligeira.
e mais um trecho do Hangout sobre o Carnaval com Karina Buhr.

 

Vozes do Brasil – bloco I e Hangout com Karina Buhr (Adriana Calcanhotto, Fernanda Takai, Cassia Eller, Junio Barreto, Lirinha) 

Vozes do Brasil – bloco II e Vozes ao Vivo com Rita Ribeiro – 2001 (Los Sebosos Postizos, Marcela Bellas) 

KARINA BUHR!!! Longe de Onde no Vozes em Casa. Ouça Aqui!

Segundo disco é confirmação ou desastre. No caso de Karina Buhr deu a primeira alternativa. Bom Demais! Banda de primeira, letras delicadas, fortes e irônicas, tudo aquilo que já tinha no Eu Menti Pra Você e ainda melhor. O time é formado por Bruno Buarque, Mau, Edgard Scandurra, Catatau, Guizado e André Lima. Adoro, ouço, toco e recomendo. Nesse programa ela conta tudo sobre o Longe de Onde no Vozes em Casa. Pra saber mais tá aqui o link pro site da Karina.
No primeiro bloco tem música do cd novo de Jussara Silveira, Arícia Mess, Márcia Castro e uma rapidíssima com o querido Arnaldo Dias Baptista falando do seu Sarau o Benedito.

OUÇA AQUI


VOZES DO BRASIL BL.01 (ARNALDO BATISTA, ARICIA MESS, MARCIA CASTRO, JUSSARA SILVEIRA E KARINA BUHR)
VOZES DO BRASIL BL.O2 – KARINA BUHR

E aqui imagens do Sarau o Benedito com Arnaldo Baptista. Pra ver mais visite o site oficial.

O Vozes em Casa recebe Karina Buhr


Karina Buhr acaba de sair daqui do nosso estúdio e veio falar do cd “Longe de Onde” que ouço sem parar! Bruno Buarque, Mau, Catatau, Edgard Scandurra, Guizado, André Lima, uma banda da pesada! Muita música nova que ainda nem foi pro palco. A entrevista vai pro ar na outra semana mas não aguentei e resolvi contar logo o que vem por aí, pelo menos um pouquinho…
Tem mais informações lá no site da Karina. A turma foi pro estúdio com patrocínio Natura Musical e tem selo Coqueiro Verde – o mesmo do Erasmo!

No OUÇA AQUI um pouco da música de Minas Gerais

Na primeira parte do Vozes do Brasil dessa semana apresentamos uma edição da reportagem feita no Conexão Vivo em Belo Horizonte. Passaram por lá mais de 50 artistas entre eles Karina Buhr, Tulipa Ruiz, Pedro Morais e Lucas Avelar que estão no programa. E ainda o app Cavalo Motor para Iphone do espertíssimo Makely Ka e a delicinha non sense “Secador, Maçã e Lente” de Erika Machado que eu não tocava há tempos.

OUÇA AQUI


A música mineira hoje e o que passou pelo Conexão Vivo no Vozes do Brasil.

Conexão Vivo em BH: diversidade pra valer!

A festa foi no Parque Municipal, centro de Belo Horizonte e reuniu artistas de 7 estados do Brasil. Foram 5 noites de música brasileira sem parar, um lindo evento para públicos de todos os gostos. Em dois palcos armados entre as árvores se revezavam os shows. Friozinho, cheiro de cigarro de palha, pastel de angu delicioso e mais de 20 mil pessoas na maior paz.
Fiquei feliz de ver o sucesso de Karina Buhr, Tulipa Ruiz e Marcelo Jeneci. Achei incrível o respeito com Marku Ribas e Jards Macalé convidados de bandas mineiras. Bonito o show de Lucas Avelar convidando Afonsinho pra uma canja. E ainda teve Armandinho, Marcos Suzano, Pedro Sá, Renegado e Maria Alcina…
Há muito tempo o pessoal do Coquetel Molotov me convida pra acompanhar o Conexão e eu só pude mesmo ir nessa edição agora na semana que eles chamaram de Apoteose. Adorei. Fiz meus comentários pelo Twitter e vi os recadinhos na tela grande lá no Parque, encontrei muitos amigos e artistas que admiro e claro, trouxe gravações pra um Vozes do Brasil especial.
Por enquanto segue aqui o link pro portal Conexão Vivo e as fotos que fiz das noites coloridas em BH.
Em agosto tem Conexão em Salvador. Pretendo ir.

O sucesso de Tulipa Ruiz em BH


Karina Buhr e sua banda dos sonhos!

Para um Amor no Recife

Gosto muito de ler cartas. É quase como bisbilhotar a intimidade alheia mas com permissão. A intimidade em livros. As trocas entre Fernando Sabino e Clarice Lispector, Caio Fernando Abreu e seus vários amigos, Helio Oiticica e Ligia Clark, são inúmeros e leio todos que me cairem nas mãos. São registros da vida afetiva, doméstica, bastidores daqueles que nos interessam. Esses dias, lembrando das primeiras leituras de adolescente, comentei em casa como eu descartava livros que não me ajudavam em nada, quer dizer, os que não me apontavam caminhos, soluções pros dilemas que vivia. Isso mudou um pouco. Ainda procuro nos livros a minha orientação mas também aprendi a ler por puro prazer. Com a música acontece a mesma coisa. Tem as que mandam recados e as que divertem, as que trazem lembranças, as feitas pra voçê.
Todo esse preâmbulo pra dizer que não sei pra quem Paulinho da Viola fez “Para Um Amor no Recife” mas que se fosse pra mim eu derretia. Transcrevi a letra aqui nesse post – leia pra ver se eu não tenho razão.
Paulinho gravou esse lindo samba em 1971 com Elton Medeiros e Marçal marcando o ritmo e arranjo de Lindolfo Gaya. Marina Lima, no final dos anos 90 gravou com os teclados de Willian Magalhães no Registros à Meias Voz. No clipe o autor aparece tocando agogô. Lindos. Todos eles.

Para Um Amor no Recife
Paulinho da Viola

A razão porque mando um sorriso
E não corro
É que andei levando a vida
Quase morto
Quero fechar a ferida
Quero estancar o sangue
E sepultar bem longe
O que restou da camisa
Colorida que cobria minha dor
Meu amor eu não esqueço
Não se esqueça por favor
Que voltarei depressa
Tão logo a noite acabe
Tão logo este tempo passe
Para beijar você

Ouvi essa música e muitas outras com Marina Lima hoje logo pela manhã conferindo a edição do Natura Musical que fiz com ela. Ouvir a entrevista e as canções foi um prazer imenso. Sou fã dessa artista há anos e suas músicas pontuaram meus bastidores. Acompanho sua carreira, estou curiosa pra ouvir o novo disco com homenagens à São Paulo e participações de Karina Buhr e Edgard Scandurra. Muito curiosa.
No Carnaval de Recife uma prévia desse encontro tão improvável e interessante: